Renault-Nissan e Dongfeng apostam nos veículos elétricos na China

 

A Associação Chinesa dos Construtores automóveis avança a informção de que  a China representa o maior mercado mundial para os veículos elétricos. Em 2016 foram vendidos na China 256.879 veículos elétricos com um crescimento de 121% face ao ano anterior. Nos primeiros sete meses de 2017 as vendas ascenderam a 204 000 unidades, a que corresponde um crescimento de 33,6%.

A Aliança Renault-Nissan e o Dongfeng Motor Group anunciam a criação de uma co-empresa, que tem como objetivo desenvolver e comercializar veículos elétricos no mercado Chinês.

Esta nova joint-venture, a eGT New Energy Automotive vai conceber um novo veículo elétrico com interconectividade inteligente e que será desenvolvido em conjunto pela Aliança e pela Dongfeng,  com base numa plataforma SUV do segmento A da Aliança Renault-Nissan.

A eGT deverá estabelecer a sua sede social em Shiyan, uma cidade da província de Hubei, no centro da China.

O veículo elétrico será produzido na fábrica da Dongfeng em Shiyan que dispõe de uma capacidade de produção de 120.000 unidades anuais. O início da fabricação deverá ocorrer durante o ano de 2019.

“A criação desta co-empresa com a Dongfeng concretiza a vontade comum de desenvolver veículos elétricos competitivos para o mercado Chinês. » comentou Carlos Ghosn, Presidente Diretor_Geral da Aliança Renault-Nissan. “Temos toda a confiança na nossa capacidade para responder às expetativas dos clientes chineses e reforçar assim a nossa liderança mundial nos veículos elétricos.”

 

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *